Como ganhei R$10,000 com Trabalho Remoto

como consegui ganhar 10000 com programação remoto

Será que você está tão distante assim de conseguir um salário assim?

Nesta postagem eu irei te mostrar exatamente como eu consegui um trabalho remoto em uma empresa multinacional trabalhando em casa como desenvolvedor e ganhando em dólar. Eu acredito que é bem possível que este tipo de vaga não esteja fora do seu alcance.

Onde eu encontrei essa vaga?

Essa vaga, assim como diversos outros processos seletivos que havia encontrado e participado foram encontradas no LinkedIn. Aqui quero deixar a primeira dica para você que está buscando uma oportunidade para conseguir um trabalho remoto e outras oportunidades de forma geral: Crie um perfil no LinkedIn e o mantenha atualizado, se preferir pode usar o meu  perfil como base. Quando digo mantenha o atualizado, quero dizer que você deve:

  • Fazer postagens semanais ou mensais sobre coisas que você está envolvido na área.
  • Poste sobre o que você tem estudado atualmente
  • Cursos que você está fazendo
  • Certificados que adquiriu
  • Palestras que ministrou
  • Artigos que publicou

Sei que pode ser trabalhoso fazer isso e algumas pessoas gostam de ser “ghosts” e apenas consumir postagens no LinkedIn, mas é aqui que você estará dando um passo na frente da sua competição.

Sendo assim não deixe de postar frequentemente, caso queira aumentar suas chances de ser notado por um recrutador.

Consiga recomendações

A segunda dica é: na segunda entrevista me foi solicitado pessoas para as quais a empresa poderia estar entrando em contato via e-mail ou telefone para que pudessem dar ao recrutador uma noção de como eu (o entrevistado) me portava nos trabalhos anteriores. Desta maneira percebo o quanto uma recomendação pode influenciar a direção de uma contratação, então mantenha sempre um bom relacionamento no seu trabalho atual para que você possa, quando necessário, pedir uma recomendação que poderá ser adicionada ao seu LinkedIn ou mesmo para recrutadores que querem saber da sua índole em experiências passadas.

Como foi o teste técnico para a vaga?

Bom primeiramente a Stack ( grupo de tecnologias utilizadas na vaga) foi C#, Javascript, Jquery, SQL e Git. Que inclusive temos tutoriais completos de Javascript e GIT no nosso canal do YouTube. No teste técnico foi pedido a criação de um aplicação web que tivesse a funcionalidade de CRUD (Create, Update, Delete) usando C#, Jquery, MVC5.

Eu fiz esse projeto e sinceramente não foi um dos melhores projetos que eu já havia feito até então. Porem mesmo assim depois de alguns dias a empresa entrou em contato novamente comigo para dar sequência no processo seletivo. Então aqui deixo a terceira dica: faça o teste técnico mesmo que não tenha domínio completo sobre a tecnologia que foi solicitada, porque em muitas das vezes a empresa não quer que você seja altamente proficiente em uma linguagem, mas sim que aprenda rápido!

“Fit Cultural”

O fit cultural serve basicamente para a empresa entender se você está dentro do perfil que ela está buscando e além disso é muito importante também que, nesta etapa, você avalie se a empresa é o que você está buscando ou está disposto a aceitar. Muitas pessoas, por estarem desesperadas por uma vaga aceitam qualquer condição, horário ou salário. Não faça isso. Lembre-se você tem todo o direito de questionar a empresa e ter a confiança que ali será um local prazeroso de se trabalhar. Perguntas que recomendo que você faça:

  • Como é o fluxo de trabalho dos desenvolvedores na empresa?
  • Como funciona o horário de trabalho?
  • Vocês fazem controle de horas? Como funciona isso?
  • Com qual frequência é necessário fazer horas extras? Isso é remunerado ou é colocado em um banco de horas?
  • Existe algum plano de progressão de carreira?

Perguntas “Estilo RH” que foram feitas:

Porque que você se tornou um programador?

Aqui recomendo que você sempre tenha essa história pronta para contar de uma forma que saliente o seu interesse por a área. Isso porque caso você realmente esteja interessado na vaga, desta maneira você irá mostrar a quem estiver te analisando que você tem uma grande probabilidade de ser um profissional mais engajado com as tarefas da empresa. Capriche nessa história.

Em quais empresas você já trabalhou?

O que eles realmente querem saber é o seguinte: nos convença como o que você desempenhou em suas experiências anteriores poderiam também ser úteis aqui na nossa empresa. Então lembre que você não deve apenas listar as tarefas técnicas que você realizou na última empresa, mas sim quais foram os diferenciais que você proporcionou, exemplo: “eu consegui otimizar o fluxo de trabalho do setor de RH com um script que criei”.

Me fala um pouco sobre os projetos que você já fez com as tecnologias dessa vaga.

Aqui temos um dos pontos mais decisivos de uma entrevista. Você terá a oportunidade de mostrar ou falar sobre os projetos que você tem feito por conta própria, por isso é crucial que você tenha um portfólio para mostrar suas habilidades técnicas e não técnicas para o recrutador para que ele se convença das suas skills e não as do outro candidato. A melhor forma de fazer isso é tendo seus projetos facilmente acessíveis online para que você consiga os mostrar durante uma entrevista.

Porque a empresa deveria te contratar?

Muitos aqui iram dizer coisas como: porque vocês são uma ótima empresa, porque todos falam bem de você. Mas alerto: seja autêntico na sua resposta  as empresas querem aqui saber se você pesquisou sobre a empresa e como o seu skillset (seu conhecimento) pode agregar para a empresa, então use essa oportunidade para falar como a EMPRESA vai ganhar contratando você. Não diga coisas como: sempre foi meu sonho trabalhar aqui! As empresas não ganham nada com seu sonho de querer trabalhar lá (triste, mas é a realidade), então mostre o que você tem de melhor para ajudar a empresa crescer.

No meu caso a resposta que dei foi a seguinte: “Amo aprender e ensinar e estou constantemente me atualizando, além de gostar muito de ensinar e aprender com os outros integrantes da equipe, percebi que vocês em uma cultura internacional e isso me chamou muita atenção, seria ótimo poder trabalhar com vocês!”.

 

Testes Técnicos ao vivo

Em empresas maiores ou até mesmo em empresas locais é bem comum que você tenha que resolver testes técnicos ao vivo. Isso acontece para que ela possa ter certeza que você não roubou ou colou em alguma etapa anterior. Neste caso me foi questionado sobre os seguintes temas que considero bem básico de uma entrevista para desenvolvedor web:

  • (OOP) Programação Orientada a ObjetosConceitos como herança, polimorfismo, encapsulamento, classes.
  • C# – O que é uma classe no C#, o que são classes abstratas, classe estáticas.
  • Jquery – O que é o evento On.Ready().
  • SQL –  Foi Passado uma consulta em SQL na qual deveria ler e dizer, qual será o resultado dela.

Considerações Finais

Um detalhe um tanto inusitado é que eu só fui contratado de fato 1 ano depois deste processo seletivo, isso se deve em função de ter ficado em 2° lugar no processo seletivo e ter sido chamado apenas depois que o candidato que estava em 1° lugar ter saído. A experiência de trabalhar remoto é incrível e recomendaria esta experiência para qualquer um que ainda não teve essa chance.

Falo um pouco disso neste vídeo aqui  e finalmente tenho que mencionar que todo o processo seletivo foi feito em inglês, então se você ainda não começou a aprender este idioma, recomendo que você comece hoje. Não sou afiliado dessa escola porem sempre ouvi falar muito bem sobre a English Live e se tivesse que buscar uma escola de Inglês hoje, eu buscaria ela.

Bonus: Use o template de currículo que usei para conseguir essa vaga:

Baixe ele aqui: http://bit.ly/CurriculoQueUsei

Caso  prefira você pode ver o vídeo abaixo:

5 comentários em “Como ganhei R$10,000 com Trabalho Remoto”

  1. Claudio Albino

    Formidável o conteúdo, me mostrou que estou longe de arrumar um emprego na área… kkkkkkkkkkkk… brincadeiras à parte… mostrou na verdade que estou no caminho certo, mas faltam algumas coisas que preciso urgentemente. Obrigado mais uma vez por compartilhar. Grande abraço.

  2. Você é um cara bom, se importa em ajudar os outros. Dá pra ver que seu interesse não é apenas contar uma historinha vazia cheia de técnicas pra impulsionar as pessoas a comprarem alguma coisa. Você é humano. Obrigado.

    Ps: Estou a iniciar seu curso de automação em Python, mesmo já tendo uma assinatura numa plataforma de cursos.

  3. Não precisa aprovar esse comentário, mas só pra avisar: o link de download do modelo de currículo infelizmente não está funcionando.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *